VOLTAR À LISTA 15/6/2013

Dia do Amor

  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
  • Dia do Amor
Dia do Amor

O Dia do Amor agitou aterro do Lago Igapó II. Como o amor está no ar, a Pado, líder nacional no mercado de cadeados em latão, promoveu o Dia do Amor em Londrina, em 15 de junho, no aterro do Lago Igapó II.

Foi um dia de lazer, com apresentações musicais, brincadeiras e distribuição de cadeados que serão usados para selar e eternizar todos os tipos de amor. Uma verdadeira celebração ao amor entre casais, amigos, família e também ao próximo. Neste dia, doando um quilo alimento não perecível, as pessoas poderão personalizar um Cadeado do Amor e selar o seu sentimento colocando-o na grade do amor. Cada quilo de alimento corresponderá a um cadeado, que deverá ser gravado e colocado na grade. Os alimentos arrecadados neste dia serão doados ao Instituto do Câncer de Londrina. Após a realização do Dia do Amor, a grade com os cadeados foi direcionada ao Museu do Amor, localizado na unidade fabril da Pado, em Cambé, no Paraná. Não ficará no aterro por motivos ecológicos: os pontos turísticos e o meio ambiente local devem ser preservados.